[Resenha] “Cheio de Charme” de Marian Keyes

cheio de charme

Sem “empreguetes” e “patroetes” por aqui. Ao invés de mulheres “cheias de charme”, na obra de Marian Keyes temos o homem perfeito: Paddy de Courcy. Ele é impecável, lindo e importante político na Irlanda. Não era difícil se apaixonar pelo “imprevisível”, como era popularmente conhecido, afinal ele era dono de uma beleza estonteante e de um charme capaz de seduzir qualquer mulher que, pelo menos, respirasse.

Não foram poucas as moças que se encantaram pelo rapaz, e em Cheio de Charme (This Charming Man), conhecemos quatro delas e suas respectivas reações ao saber que Paddy iria, surpreendentemente, se casar. A primeira a ser apresentada é a consultora de moda Lola. Ela acredita que tem um relacionamento amoroso com Paddy, mas descobre que foi apenas mais uma em sua vida. A partir de então, Lola entra em “depressão amorosa” e acaba prejudicando a própria carreira.

Num segundo momento somos apresentados à jornalista Grace. Determinada, independente e com um marido muito fofo, ela é uma das personagens mais encantadoras do livro. Entretanto, quando o assunto é Paddy de Courcy, suas pernas tremem e ela perde grande parte de sua determinação. Apesar de não assumir, ela sente uma intensa atração por Paddy desde a adolescência, quando ele era somente um belo desconhecido e namorava sua irmã Marnie, a terceira personagem que conheceremos.

Marnie é casada, tem duas filhas ainda crianças e uma vida aparentemente estável, mas é de longe a personagem mais problemática da história. Por ser alcoólatra e ter sérias crises de depressão, Marnie, que não acredita na ideia de estar viciada, precisa ter alguém sempre por perto (papel exercido, geralmente, por Grace) para que tente, ao menos, se controlar.

A quarta mulher apresentada é Alicia, futura esposa de Paddy. Mas ao contrário do que é divulgado na mídia, o relacionamento deles não é tranquilo e muito menos amoroso. A personagem sofre nas mãos do noivo, mas acredita que estar perto dele é melhor que qualquer coisa, e por esse motivo não desiste dele, o perdoando sempre, mesmo que isso lhe doa (literalmente).

Apesar da seriedade com que Marian Keyes trata assuntos como alcoolismo e violência contra a mulher, Cheio de Charme tem bons e deliciosos capítulos de puro humor, principalmente os narrados pela personagem Lola. No início, entretanto, o leitor pode ficar um pouco perdido por não saber aonde a autora quer chegar com personagens tão diferentes, intensos e, muitas vezes, complicados.

Paddy de Courcy é caracterizado como “o mais perfeito do mundo”, e pode até ser, mas apenas fisicamente. Ele engana quase todos com o seu sorriso e belo rosto, e mesmo que o leitor tenha pena dele em alguns momentos, acredito que nunca irá querer um Paddy em sua vida.

Cheio de Charme é um livro divertido, intenso, fácil de ler e com personagens muito bem desenvolvidos. Cada um deles tem uma vida além de Paddy de Courcy, ou seja, nem sempre ele é o centro do livro, o que nos leva a conhecer (bem até demais) todas as personagens, como se fôssemos seus amigos.

Com certeza está na minha lista de favoritos, porém não é perfeito: ele possui 784 páginas, o que não seria um problema se muitas delas não fossem totalmente desnecessárias. Aliás, essa é uma das características da autora, que desde Melancia, seu primeiro livro publicado, trata de assuntos sérios, misturados com muito humor e desenvolvidos num exagerado número de páginas.

Obviamente não é um livro que pode te acompanhar facilmente no ônibus ou no metrô, a não ser que você o leia em um e-reader ou em um notebook/smartphone, mas ainda assim eu o considero digno de cinco estrelas.

 

PS: Esta resenha, de minha autoria, foi publicada originalmente no blog http://bloggallerya.wordpress.com/. Visitem!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s